Páginas

sexta-feira, 13 de abril de 2012

Guarda Municipal orienta pais e adolescentes sobre infração


Combate à pichação
13/04/2012 17:44:00
Adolescentes pichadores assistem palestra de conscientização, ministrada pelo inspetor da Guarda Municipal, Claudio Frederico de Carvalho.
Curitiba, 13/04/2012
Foto: Maurilio Cheli/SMCS
Uma palestra de conscientização foi apresentada a um grupo de 40 adolescentes e seus familiares na tarde desta sexta-feira (13). A ação faz parte de uma parceria firmada no ano passado entre a Guarda Municipal de Curitiba e a 3ª Vara da Infância e Juventude, que prevê palestras de educação ambiental a adolescentes envolvidos em atos de infração e delito contra a ordem urbana e o patrimônio cultural.
Esta foi a quarta palestra realizada para orientação de menores pichadores, como parte da parceria do município de Curitiba com o Poder Judiciário. Desde maio de 2011, cerca de 200 pessoas já participaram.
Durante uma hora, o inspetor Claudio Frederico de Carvalho, que ministrou a palestra, explicou porque a pichação é um ato ilegal. Crime previsto no artigo 65 da Lei de Crimes Ambientais, seu flagrante prevê pagamento de multa administrativa de R$ 714,20.
Além da multa, os menores de idade cumprem pena alternativa e os maiores são encaminhados à delegacia do Meio Ambiente e ao Juizado Especial Criminal. Os infratores também ficam impedidos de participar de concurso público municipal pelo período de dois anos.
“A Guarda Municipal tem detido cada vez mais as pessoas que praticam pichação. Para ampliar o flagrante, estamos usando a tecnologia, como câmeras de vídeos”, disse o inspetor.
Adolescentes pichadores assistem palestra de conscientização, ministrada pelo inspetor da Guarda Municipal, Claudio Frederico de Carvalho.
Curitiba, 13/04/2012
Foto: Maurilio Cheli/SMCS
DISQUE-DENÚNCIA
As denúncias são importante arma no combate às pichações. As 116 câmeras de monitoramento câmeras instaladas na cidade, das quais 43 estão no anel central, permitem um vídeo-monitoramento constante por uma central de inteligência, o que aponta em tempo real os pontos mais vulneráveis, numa ação conjunta com a PM.
“Elas são uma ferramenta importante no combate ao vandalismo e aos crimes, especialmente em áreas de grande circulação de pessoas, como a região central da cidade”, afirma o secretário da Defesa Social, Nazir Chain.
Assim que as câmeras localizam atitudes suspeitas, a informação é imediatamente repassa às equipes táticas, que se dirigem aos locais apontados. Segundo Chain, além do eficiente auxílio das câmeras de monitoramento, a Guarda Municipal conta com a ajuda da população.
“O disque-denúncia pelo fone 153, serviço criado pela Prefeitura de Curitiba, tem nos ajudado muito a realizar flagrantes”, afirmou. “Pedimos à população que continue denunciando”, diz o secretário.
 
Nos últimos nove anos, houve um aumento de 650% no número de denúncias, segundo dados da Guarda Municipal. Em 2011, foram feitos 714 registros de pichadores. Como resultado, 199 infratores foram detidos em flagrante. Em 2002, houve 82 registros. Desde o início de 2012, já foram registradas 200 ações de pichadores, com mais de 50 detenções em flagrante.
Adolescentes pichadores assistem palestra de conscientização, ministrada pelo inspetor da Guarda Municipal, Claudio Frederico de Carvalho.
Curitiba, 13/04/2012
Foto: Maurilio Cheli/SMCS
OCORRÊNCIA RECENTE
Nesta quarta-feira (12), um menor de idade foi detido em flagrante por pichar  toda a extensão do painel de Poty Lazaroto, na Praça 19 de dezembro. A obra, que conta em azulejos a história da colonização do Paraná, foi limpa por servidores do Departamento de Parques e Praças, da Secretaria Municipal do Meio Ambiente.
O pichador foi detido em fragrante e encaminhado à Delegacia do Adolescente. “Escondido atrás das estátuas da Praça 19 de dezembro, longe do alcance das câmeras, o rapaz fez pichação em plena luz do dia, mas acabou detido por agentes da Guarda que faziam ronda no local”, disse o inspetor Sicarlos Pereira Sampaio.
A cada ano a Prefeitura de Curitiba gasta cerca de R$ 1 milhão, mais custos operacionais, na recuperação do patrimônio público alvo de pichações.
Adolescentes pichadores assistem palestra de conscientização, ministrada pelo inspetor da Guarda Municipal, Claudio Frederico de Carvalho.
Curitiba, 13/04/2012
Foto: Maurilio Cheli/SMCS


Nenhum comentário:

Postar um comentário